Presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil pede valorização da presença dos religiosos e religiosas na Igreja

 

No mês dedicado às vocações, especialmente neste terceiro domingo de agosto, 18, é celebrada avocação para a vida consagrada: religiosos e consagrados seculares. A presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), irmã Maria Inês, ressalta a importância da data e afirma que ela demonstra o valor dado a missão e ao papel dos religiosos na Igreja.

Irmã Maria Inês, que foi reeleita recentemente para a direção da CRB, também fala sobre a especificidade da contribuição das religiosas no âmbito da Igreja e convida a todos, principalmente neste domingo, a rezar para que haja uma maior valorização da presença das mulheres neste campo, sejam elas leigas ou religiosas. Segundo a religiosa, as irmãs também estão inseridas nas várias realidades da Igreja, nas paróquias, próximas as famílias, crianças e emergências.

Sobre a celebração da vocação dos padres de institutos religiosos e irmãs de todas as congregações religiosas no dia que a Igreja no Brasil festeja a Assunção de Nossa Senhora, Irmã Maria Inês comenta:  “Por que nesse dia? Qual a importância desse dia? É justamente para divulgar a nossa identidade na Igreja, quem somos nós e qual é a nossa missão”.

“Com essa celebração, nos momentos da Eucaristia nas paróquias, nas capelas, comunidades, no meio do povo se celebra o dia do religioso e da religiosa para ressaltar a sua missão e seu papel na Igreja”, finalizou.