INTENÇÃO DO PAPA PARA O MÊS DE ABRIL: LIBERTAÇÃO DAS DEPENDÊNCIAS.

Rezemos para que todas as pessoas sob a influência de dependências sejam bem ajudadas e acompanhadas.

Para melhor atender a essa intenção do Santo Padre, podemos aqui recorrer à orientação de uma ação pastoral de nossa Igreja que vem ganhando cada vez mais força e apoio: a Pastoral da Sobriedade.

No decorrer dos últimos anos, os três últimos papas insistiram muito sobre essa delicada questão que afeta muitas famílias, a começar por São João Paulo II, que lançou o desafio de fomentar um combate constante às drogas, pois elas constituem um mal a que não se pode dar trégua.

O Papa Bento XVI conclamou todos nós a lutarmos pela vida e de forma unida apresentarmos e sermos uma Igreja missionária que, como o bom samaritano, estende sua mão aos que estão caídos à beira do caminho.

Por fim, o Papa Francisco, em sua visita ao Brasil, esteve no Polo de Atendimento para Dependentes Químicos e os motivou, dizendo que quem caiu na escuridão da dependência só consegue reerguer-se se ele mesmo for o artífice de sua subida.

Sobre esse pano de fundo coloquemos no Coração Misericordioso de Jesus todas as pessoas que sofrem com alguma dependência e fazem os outros sofrer também, sobretudo pela preocupação, aos quais a Pastoral da Sobriedade chama de codependentes. Coloquemos também nesta prece todas as pessoas e instituições que se doam sem medida para resgatar o irmão.