Outubro, mês das Missões

Autor Claudio Geraldo | Data 2 de outubro de 2017



A Igreja nasceu missionária e é essencialmente missionária. Sua força missionária vem do Espírito Santo, vem do Pentecostes. Cada um de nós tem que se imbuir desta realidade essencial da Igreja. Somos Igreja, somos membro do corpo do Cristo missionário, o Revelador do Pai. Somos discípulos missionários a partir do nosso batismo. Não podemos não ser missionários, pois ser missionário está no nosso DNA cristão.

 

Para incentivar-nos na obra missionária, a Igreja dedica o mês de outubro às missões. Praticamente, quase no mundo todo, o mês de outubro tem este espírito missionário, aliás, o mês de outubro já começa comemorando a festa litúrgica de Santa Terezinha do Menino Jesus no dia primeiro. É interessante que Santa Terezinha nunca saiu do convento para fazer missões. Por que, então, é ela a padroeira das missões? Por causa de sua preocupação constante e constantes orações em favor das missões e dos missionários. A Igreja foi muito sábia em declará-la Padroeira das missões.

 

Assim aprendemos que ser discípulo missionário não se restringe a sair de casa e ir para outros lugares ou países para anunciar Jesus Cristo. Lembro-me das sábias palavras de São Francisco de Assis que nos ensina que devemos sempre pregar o evangelho e se for preciso podemos usar palavras. Não estou citando ao pé da letra; só quero lembrar que na mente de São Francisco o testemunho deve ocupar o primeiro lugar.

 

Não podemos nos esquecer do Documento de Aparecida e do nosso querido Papa Francisco que insistem com todos nós para vivermos uma Igreja em saída e não uma Igreja de sacristia. Devemos atingir com a evangelização as periferias das nossas cidade e comunidades. Creio que estamos aos poucos tomando consciência desta importante e fundamental missão cuja fonte é o nosso batismo. Podemos dizer que cooperar na missão universal da Igreja com a oração e com o apoio econômico já está enraizado no nosso ser cristão.

 

Sem dúvida, vivemos a missão durante todo o ano, pois somos discípulos missionários, mas no mês de outubro esta consciência se aprofunda e fortalecemos nosso ser missionário com ações concretas: mais orações, mais missões em várias paróquias, coleta missionária, dia mundial das missões no penúltimo domingo do mês de outubro, etc.. Consciente de que somos discípulos missionários, vamos terminar nosso artigo buscando uma resposta para pergunta: O que vou fazer de especial neste mês missionário para reforçar esta minha identidade cristã?

 

Dom Emanuel Messias de Oliveira

Bispo diocesano de Caratinga

Mitra Diocesana de CaratingaPraça Cesário Alvim, 156Caratinga - MG35.300-000 - (33) 3321-4600